Esta palestra está disponível em vídeo (VCD), com
o título UM CONVITE À JORNADA INTERIOR
Osho falando e com legendas em português,
disponível para a venda no site www.oshobrasil.com.br

 

 .
Osho, quem é você?

NÃO SOU PARTE DE NENHUM MOVIMENTO; O QUE ESTOU FAZENDO É ALGO ETERNO. ELE VEM ACONTECENDO DESDE QUE O PRIMEIRO SER HUMANO APARECEU SOBRE A TERRA, E CONTINUARÁ ATÉ O ÚLTIMO. ESTE NÃO É UM MOVIMENTO, MAS O PRÓPRIO ÂMAGO DA EVOLUÇÃO. SOU PARTE DA ETERNA EVOLUÇÃO DO SER HUMANO. A BUSCA PELA VERDADE NÃO É NOVA NEM VELHA.

          A BUSCA PELO SEU PRÓPRIO SER NADA TEM A VER COM O TEMPO. EU POSSO IR EMBORA, MAS O QUE ESTOU FAZENDO CONTINUARÁ. NINGUÉM É UM FUNDADOR OU UM LÍDER DISSO. ESTE É UM FENÔMENO TÃO VASTO, QUE MUITOS ILUMINADOS APARECERAM, AJUDARAM E DESAPARECERAM, MAS A AJUDA DELES DEIXOU A HUMANIDADE UM POUCO MAIS ELEVADA, MAIS HUMANA, MELHOR. ELES DEIXARAM O MUNDO UM POUCO MAIS BELO DO QUE QUANDO O ENCONTRARAM.  

---------------------------------

 

Amado Osho, você pode dizer quem é você?  

Maneesha, sou um convite para todos aqueles que estão procurando, buscando e têm um grande anseio em seus corações para encontrar os seus lares.

Sou uma resposta para a pergunta que todos têm, mas que não podem formular, uma pergunta que é mais uma busca do que uma questão, mais uma sede do que uma indagação verbal e mental. Uma sede que a pessoa sente em cada célula e fibra de seu ser, mas que não tem como trazê-la às palavras e perguntá-la.

Sou uma resposta para essa pergunta que você não pode formular e que não pode esperar que ela possa ser respondida.

Quando digo que sou a resposta, não quero dizer que possa-lhe dar a resposta. Sim, se você estiver pronto, você pode pegá-la. Sou como um poço, pronto para que você atire o seu balde e tire água por você mesmo.

Tenho, mas não posso alcançar você sem os seus esforços.

Somente você pode me alcançar. Este é um convite estranho; ele o levará a uma longa peregrinação, e terminará somente onde você já está.
.

Você precisará dar muitos passos, em muitos caminhos, simplesmente para chegar a você mesmo, pois você se distanciou de você mesmo e se esqueceu completamente do caminho de volta. Sou um lembrete, uma lembrança do lar perdido.

Não existo como uma pessoa; como uma pessoa eu simplesmente aparento. Eu existo como uma presença. Desde o dia em que vim a conhecer a mim mesmo, a pessoa desapareceu; existe somente uma presença, uma presença muito viva que pode saciar a sua sede, que pode preencher o seu anseio.

Portanto, em uma palavra posso dizer que sou um convite, e é claro, apenas para aqueles que têm um profundo anseio em seus corações, que estão sentindo falta deles mesmos, uma profunda urgência, que a menos que encontrem a si mesmos, tudo o mais não tem sentido.

.
         A menos que isso seja o seu interesse prioritário e supremo, a ponto de, se necessário, você estar mesmo disposto a perder tudo por isso, mas não pode abandoná-lo...

Existem milhares de desejos, mas no que se refere a anseio, há apenas um, o de voltar para casa, de encontrar sua realidade. E nesse próprio encontrar, você encontra tudo o que tem algum valor: bem-aventurança, verdade, êxtase.

Jesus costumava dizer: “Se você tem olhos para ver, veja; se tem ouvidos para ouvir, ouça.” É claro que ele não estava falando para os cegos e os surdos; ele estava falando para pessoas como você, talvez ele estivesse falando exatamente para você, pois você não é novo.

Você é tão antigo quanto toda a existência; você sempre esteve aqui.

Você pode ter encontrado muitos mestres, pode ter chegado perto de muitos budas, mas você estava muito envolvido em trivialidades e não estava ciente de seu anseio.

Sou um esforço para provocar o dormente em você, para despertar o que dorme. O fogo está presente, mas está queimando muito baixo, pois você nunca cuidou dele.

Meu convite é para tornar você chamejante, e a menos que você conheça uma vida que seja luminosa e chamejante, todo o seu conhecimento é apenas uma trapaça. Você está juntando-o para ajudá-lo a se esquecer de que o conhecimento real está faltando.

Mas não importa quão grande seja o seu acúmulo do outro, do objetivo, do mundo, isso não vai se tornar um substituto do seu autoconhecimento. Com o autoconhecimento, de repente desaparecem toda a escuridão e a separação em relação à existência.

Sou um convite para você dar um corajoso salto no oceano da vida. Perca-se, pois esta é a única maneira de encontrar a si mesmo.

Do livro: The Invitation (O Convite) Discurso 1

                                    OSHO – The Invitation - Discurso 1
                                   
Tradução: Sw. Anand Nisargan  

 

 Copyright © 2006 OSHO INTERNATIONAL FOUNDATION, Suiça.
Todos os direitos reservados  

 

 

Instituto Osho - Caixa Postal 450 - 36001-970 - Juiz de Fora (MG)
 Tel: (32) 3232-4635 - E-mail: oshoinstituto@uol.com.br